Página Inicial | QUINTA-FEIRA, 05 DE DEZEMBRO DE 2019
Postada por: Jr Lopes dia 20/11/2019
Reinaldo Azambuja abre seminário e destaca a profissionalização do turismo
Compartilhar Notícia
Foto: Saul Schramm


O governador Reinaldo Azambuja destacou a profissionalização dos segmentos que integram o turismo regional, cujos resultados começam a ser conquistados com o crescimento da atividade, aumento do fluxo de visitantes e os reflexos na economia do Estado e dos municípios considerados destinos, ao abrir oficialmente o Seminário Isto É Mato Grosso do Sul, na noite desta terça-feira (19/11) no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, em Campo Grande.

 

“Hoje o turismo tem capacidade de investimentos do Estado, que tem criado uma logística de acesso aos nossos atrativos e desenvolvido uma política de fomento e divulgação, além de um trabalho de capacitação, com apoio do Sebrae, para que possamos melhorar cada vez mais os nossos serviços”, disse o governador, destacando ainda a gestão do diretor-presidente da Fundação de Turismo (Fundtur-MS), Bruno Wendling.

 

A abertura do seminário, que teve início na manhã de terça-feira (19/11), ocorreu simultaneamente a entrega do Prêmio Isto É Mato Grosso do Sul, criado pela Fundtur-MS em reconhecimento aos profissionais de diversas áreas do turismo que se destacaram este ano no Estado. “Parabenizo a todos, vocês têm um grande mérito na profissionalização do nosso turismo”, ressaltou o governador Reinaldo Azambuja, ao participar da premiação.

 

O Seminário Isto É Mato Grosso do Sul segue até esta quinta-feira, no Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camilo, no Parque dos Poderes, com exposições, mostras, palestras e painéis focados na evolução do turismo do Estado, do Brasil e do mundo digital, aberto ao público. O evento debaterá oportunidades de negócios para os destinos por intermédio de novas tecnologias e inteligência de mercado, segmentação de oferta e demanda, mostrando ideias e tendências, gerando oportunidades, desafios e promovendo o empreendedorismo.

 

Premiação

O Prêmio Isto É Mato Grosso do Sul foi concebido, segundo o diretor-presidente da Funtur-MS, “com o propósito de consagrar o trabalho de profissionais que fazem a diferença e que sirva de incentivo e desafio para que tenham capacidade para inovar os seus produtos e contribuam para melhorar a competitividade do nosso turismo”. Bruno Wendling, em sua fala, destacou o apoio do governador Reinaldo Azambuja à pasta do turismo.

 

Foram selecionados três finalistas para cada uma das oito categorias premiadas, por votação do Conselho Estadual de Turismo, sendo vencedores os seguintes profissionais: Academia (Polliana Thomé – Food Safari); Governo (Nilde Brun); Ong (Simone Mamede – Instituto Memede, Bioma Observação de Aves); Imprensa e Mídias Sociais (jornalista Sílvio de Andrade, do site Lugares); Bares, Restaurantes e Similares (Rodrigo Hata – Velfarre Bar); Atrativos Turísticos (Eduardo Folley Coelho – Rio da Prata, Minoso e Lagoa Misteriosa); Agências e Operadoras, Joice Santana Marques (Joice Tur); e Hotelaria (Marcelo Mesquita – Hotel Deville).

 

Show ao vivo

Ao final da solenidade, que teve a apresentação do cantor e compositor Gabriel Sater, aconteceu o show do grupo Chalana de Prata, formado há 25 anos por artistas considerados ícones da música sul-mato-grossense: Celito Espindola, Guilherme Rondon e Paulo Simões. O quarto membro foi o sanfoneiro Dino Rocha (falecido), substituído pelo seu filho, Maninho Rocha. Gabriel Sater tocou violão e cantou as músicas Mercedita e Trem do Pantanal.

 

A abertura do Seminário Isto É Mato Grosso do Sul contou com a presença dos secretários estaduais Eduardo Riedel (Governo e Gestão Estratégia) Jaime Verruck (Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar) e Pedro Chaves (Relações Institucionais e Assuntos Estratégicos do Governo de Mato Grosso do Sul no Distrito Federal).


Fonte: Subcom







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados