Página Inicial | QUINTA-FEIRA, 15 DE ABRIL DE 2021
Postada por: Jr Lopes dia 26/03/2021
Estudantes do IFMS concorrem a prêmio nacional de iniciação científica
Compartilhar Notícia

Neste mês de março, três estudantes do Instituto Federal de Mato Grosso do Sul (IFMS) foram indicados para concorrer ao 18º Prêmio Destaque na Iniciação Científica e Tecnológica, promovido pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq).

 

O objetivo é premiar bolsistas de iniciação científica e tecnológica do CNPq que se destacaram durante o ano, sob os aspectos de relevância e qualidade do relatório final, e as instituições participantes do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic), que contribuíram de forma relevante para o alcance dos objetivos do programa.

 

No último ano, o IFMS contemplou 16 estudantes de nível superior com bolsas de iniciação científica, nas modalidades Pibic (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica), Pibic-AF (Ações Afirmativas) e Pibiti (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação).

 

Em outubro, todos os estudantes bolsistas de iniciação científica, seja pelo CNPq ou por outras fontes de fomento, apresentaram os trabalhos no Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica (Semict), realizado de forma virtual.

 

“Além de socializar as pesquisas produzidas com a comunidade escolar, o evento permite intercâmbio entre estudantes de graduação e orientadores com grandes pesquisadores brasileiros [pesquisadores produtividade CNPQ], que são avaliadores dos trabalhos e também do próprio Programa de Iniciação Científica do IFMS”, explica o diretor de Pesquisa do Instituto, Pablo Salomão.

 

O diretor explicou que os estudantes bolsistas do CNPq, autores dos melhores trabalhos apresentados no Semict, foram os indicados para concorrer ao Prêmio do Conselho.

 

Indicados

Na modalidade Bolsista de Iniciação Tecnológica (Pibiti), o indicado foi o estudante Aron Alvarenga Rocha, do Campus Campo Grande, com a pesquisa “Ferramenta Computacional para Auxílio em Tratamento Psicológico de Crianças e Adolescente”.

 

O projeto concorre na grande área Ciências Exatas, da Terra e Engenharias e foi orientado pela professora Celeny Fernandes Alves.

 

Assista ao vídeo da apresentação da pesquisa para o Semict 2020.

 

Na área de Ciências Exatas, da Terra e Engenharias (Pibic), a indicada do IFMS é Drielly Almeida da Silva, do Campus Três Lagoas. O trabalho “Projeto de Controle Robusto para Sistemas Lineares em Tempo Discreto” foi orientado pelo professor Diogo Ramalho de Oliveira.

 

Confira o vídeo da apresentação de Drielly para o Semict 2020.

 

A estudante agradeceu a todos que contribuíram para sua formação e o reconhecimento pela indicação ao prêmio.

 

"Fazer iniciação científica no IFMS foi uma experiência acadêmica enriquecedora, pois tive oportunidade de  aprimorar meus estudos e também de ser orientada pelos professores Diogo Ramalho e Bruna Pavlack, que contribuíram para minha decisão de continuar os estudos e seguir o caminho da docência", disse Drielly.

 

Já na modalidade Bolsista de Iniciação Tecnológica e na área Ciência da Vida, o indicado do IFMS é Artur Ferreira Sousa Prado, do Campus Naviraí. O trabalho “Classificação Climática de Koppen em Cenários de Mudanças Climáticas para o Centro Oeste do Brasil” foi orientado pelo professor Lucas de Oliveira Aparecido.

 

Entenda melhor a pesquisa no vídeo da apresentação de Artur para o Semict 2020.

 

Artur conta como a iniciação científica contribuiu para sua formação acadêmica e o estimulou a seguir os passos do orientador. “A iniciação científica abriu muitas portas e um leque de oportunidades e aprendizados. Além de passar a entender todo este mundo da ciência, pude viajar para diversos locais para participação em eventos científicos”.

 

Indicado, espera vencer o Prêmio CNPq. “É uma honra ser indicado para esse prêmio, é muito gratificante este reconhecimento e estou muito feliz, assim como meus pais estão muito orgulhosos”, conta.

 

Prêmio

O resultado será divulgado pelo CNPq até 15 de junho. Serão selecionados estudantes nas categorias bolsista de Iniciação Científica e Iniciação Tecnológica, com premiação para até três bolsistas, sendo um para cada grande área do conhecimento: Ciências da Vida; Ciências Exatas, da Terra e Engenharias; e Ciências Humanas e Sociais, Letras e Artes.

 

Os bolsistas vencedores receberão R$ 7 mil, bolsas de mestrado ou de doutorado e diploma. A instituição agraciada na categoria Mérito Institucional receberá cotas adicionais de bolsas Pibic/Pibiti e um troféu.

 

Os premiados poderão receber, ainda, passagens e diárias para participar da próxima Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), prevista inicialmente para julho de 2021.

 

Iniciação Científica

No IFMS, as bolsas de iniciação científica são geridas pela Pró-Reitora de Pesquisa, Inovação e Pós-graduação (Propi), tendo como regulamento o Programa Institucional de Iniciação Científica e Tecnológica (Pitec).

 

O fomento é realizado com recursos próprios e também com recursos externos, como o caso das bolsas custeadas do CNPq. A seleção de projetos e bolsistas é feita por meio de editais.

 

As bolsas de iniciação científicas no IFMS são divididas da seguinte forma:

 

Pibic-EM (Ensino Médio): bolsas de iniciação científica no valor mensal de R$ 100,00 direcionadas a estudantes de nível médio do IFMS;

Pibic: bolsas de iniciação científica no valor mensal de R$ 400,00 direcionadas aos estudantes dos cursos superiores do IFMS;

Pibiti: bolsas de iniciação científica direcionadas a projetos com foco o desenvolvimento de novas tecnologias e processos inovadores, disponibilizadas aos estudantes dos cursos superiores no valor mensal de R$ 400,00.

Pibic-AF: bolsas de iniciação científica voltadas aos estudantes que ingressaram no IFMS por meio de ações afirmativas.

 

Mais informações sobre a iniciação científica no IFMS podem ser obtidas pelo e-mail propi@ifms.edu.br.


Fonte: Ascom/IFMS







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados