Página Inicial | QUINTA-FEIRA, 15 DE ABRIL DE 2021
Postada por: Jr Lopes dia 03/03/2021
Fiems e TJMS ampliam parceria para reformas de escolas públicas com mão de obra prisional
Compartilhar Notícia
Foto: Divulgação


A Fiems e o TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul) irão ampliar a parceria que já existe dentro do projeto “Pintando e Revitalizando a Educação com Liberdade”, que utiliza mão de obra prisional capacitada pelo Senai para reformar as escolas públicas de Campo Grande e também oferece qualificação profissional na área da construção civil para esses detentos.

 

Em reunião realizada nesta terça-feira (02/03), no Edifício Casa da Indústria, em Campo Grande (MS), entre o presidente da Fiems, Sérgio Longen, o diretor-regional do Senai, Rodolpho Caesar Mangialardo e o juiz da 2ª Vara de Execuções Penais do TJMS, Albino Coimbra Neto, ficou definido que será elaborado um termo aditivo para que, junto com as reformas das escolas estaduais, seja instalada uma Biblioteca da Indústria do Conhecimento do Sesi.

 

Na avaliação de Sérgio Longen, o projeto é de extrema importância para melhorar a educação pública e é fundamental que a iniciativa privada possa apoiá-lo. “Quero destacar o trabalho do juiz Albino Coimbra frente a esse grande projeto, investindo em educação, buscando parceiros cada vez mais envolvidos nesse projeto para dar boas condições de educação para a nossa sociedade. Albino Coimbra merece ser reconhecido pelo seu trabalho e nós enquanto empresários devemos procurar cada vez mais apoiar projetos como esse e enquanto Senai, vamos avançar ainda mais nessa parceria”, ressaltou.

 

O juiz Albino Coibra destacou que a reunião foi uma oportunidade de apresentar os detalhes do projeto que já existe com o Senai ao presidente da Fiems e o que deve ser ampliado. “Agora vamos melhorar essa parceria com a construção de bibliotecas dentro de escolas que são beneficiadas com o projeto. Nós já estamos reformando uma escola agora, que é a Escola Estadual Zélia Quevedo, e o nosso cronograma busca reformar duas escolas por ano, mas agora com a pandemia podemos ampliar”, comentou

 

Ele ainda acrescentou que a ampliação da parceria com o Sistema Fiems é fundamental para dar mais qualidade à educação pública. “Quanto maior e quanto mais envolvente as parcerias, você dá um status institucional ao projeto. A adesão dessas instituições ao projeto mostra que é um projeto importante para a sociedade. Com essa ação, os presos participam de uma reforma pública deteriorada, veem outra escola, e mudam os seus valores, porque são protagonistas da ressocialização deles próprios, recebem uma qualificação para poderem ter um futuro melhor, e a sociedade é testemunha disso, porque recebe uma escola melhor”, completou.

 

O diretor-regional do Senai, Rodolpho Caesar Mangialardo, destacou a importância a parceria entre Fiems e Poder Judiciário, para fortalecer a educação no Estado e ressaltou a intenção da instituição em ampliar o trabalho junto ao TJMS. “Queremos ampliar a atuação do projeto de reformas das escolas públicas, contribuindo ainda mais para a melhoria da educação no nosso Estado”, explicou Rodolpho Mangialardo, acrescentando que irá oferecer bolsas de estudo num dos cursos de qualificação do Senai para os dois melhores profissionais.


Fonte: Fiems/DICOM







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados