Página Inicial | SEXTA-FEIRA, 07 DE AGOSTO DE 2020
Postada por: Jr Lopes dia 21/07/2020
MS registra recorde no número de mortes por covid-19
Compartilhar Notícia

Mato Grosso do Sul registrou um recorde no número de mortes por covid-19 nesta terça-feira (21/07). Foram 20 confirmadas nas últimas 24 horas, segundo a secretaria estadual de Saúde (SES). Somente em julho, são 158, mais que o dobro das 70 de junho. Desde o início da pandemia, o estado contabiliza 248 óbitos provocados pelo novo coronavírus.

 

Das 20 mortes, 7 são de moradores de Campo Grande. Dourados, Sidrolândia e Corumbá, registraram 2 óbitos cada e Três Lagoas, Paraíso das Águas, Itaquiraí, Rio Negro, Rio Verde de Mato Grosso, São Gabriel do Oeste e Ponta Porã, 1 cada.

 

Ao falar sobre os dados, o secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, lamentou que o estado tenha um número tão alto de mortes, destacou que essa quantidade vem crescendo a cada dia e que a taxa de letalidade que ficou por muito tempo abaixo de 1%, agora já atingiu 1,4%. Reafirmou ainda, que a responsabilidade da prevenção a doença é coletiva, e inclui desde o poder público em suas várias esferas até a população, que precisa se conscientizar e ter uma maior adesão ao distanciamento social.

 

Por sua vez, a secretária estadual adjunta de Saúde, Christinne Maymone, apontou que dessas 20 pessoas que tiveram a morte confirmada pela doença nesta terça, 18 tinha comorbidades e uma um fator de risco, tabagismo. Somente uma não tinha nenhuma doença pré existe. Esse fato, conforme ela, demonstra que é muito importante que as pessoas que tenham comorbidades e seus familiares redobrem os seus cuidados com a prevenção a covid-19.

 

Além das mortes, o boletim epidemiológico da SES desta terça-feira trouxe a confirmação de 749 novos casos da doença, sendo 204 em Campo Grande. O estado atingiu 17.386 registros e a capital 6.420.

 

Dos casos confirmados, a secretaria aponta que 5.531 são ativos. Desse total, 5.182 infectados estão cumprindo isolamento domiciliar e 349 estão internados, sendo 177 em unidades de terapia intensiva (UTI’s). A taxa de ocupação dos leitos de UTI disponibilizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no estado é de 54%, mas em Campo Grande já atingiu 87%.

 

Nesta terça, o secretário estadual de Saúde voltou a pedir um esforço dos municípios para encerrarem os casos suspeitos que ainda estão em aberto no sistema, que totalizam 6.349. Ainda em relação aos casos suspeitos, o Laboratório Central em Campo Grande tem 2.397 amostras de testes aguardando liberação. Desde o início da pandemia, o estado já realizou 79.637 testes.


Fonte: Secretaria de Estado de Saúde (SES)







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados