Página Inicial | SÁBADO, 19 DE OUTUBRO DE 2019
Postada por: Jr Lopes dia 23/09/2019
Trio armado é preso ao fazer arrastão e sequestros em condomínio
Compartilhar Notícia

Três homens em posse de uma pistola foram presos após fazerem uma série de roubos e sequestros que começaram na noite de sábado (21/09) e se estenderam para a madrugada deste domingo (22), de acordo com a polícia. Eles estavam em um carro branco e fizeram abordagens no Jardim Itamaracá, Moreninhas, Universitário e nas proximidades do Jardim Colibri, em Campo Grande.

 

Segundo o registro policial, o arrastão começou por volta das 21h30 (de MS). Um jovem de 19 anos foi o primeiro a ser roubado e, na delegacia, repassou as características físicas dos envolvidos. Duas horas depois, a vítima de 21 anos também foi para a unidade policial, com a namorada de 17 anos, e contou sobre a abordagem do grupo criminoso.

 

O jovem conta que estava na frente da casa da namorada, quando os homens ordenaram que ele e a adolescente entrassem no veículo. Sob mira da arma de fogo, a vítima conta que foi obrigada a dirigir por diversos bairros. Na região das Moreninhas, ainda conforme o depoimento da vítima, os bandidos deram tiros para o alto e tentaram abordar duas vítimas, sem sucesso.

 

Na sequência, eles abordaram um motociclista de 19 anos e fugiram com a moto dele. A outra vítima, que estava com a namorada, seguiu para a delegacia. Ele contou que o trio deixou a chave do carro branco e disse que era entregar na Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Piratininga. "Eles diziam ser policiais", relatou a vítima.

 

Equipes do Batalhão de Choque da Polícia Militar (BpChoque) e Gecam passaram a fazer rondas, quando conseguiram prender o trio em flagrante. Os objetos e pertences das vítimas foram devolvidos, com exceção de uma das motos que foi encaminhada para Delegacia Especializada em Repressão ao Furto e Roubo de Veículos (Defurv).

 

Para a PM, um entregador de pizza, de 26 anos, disse que também foi vítima do arrastão. Ele estava trabalhando nas proximidades do Jardim Colibri, quando foi abordado pelo trio em um carro branco. No entanto, ao ver a abordagem, uma mulher começou a gritar e os suspeitos fugiram, abandonando a motocicleta.

 

Na sequência, um rapaz de 19 anos conta que estava andando a pé com um amigo, quando também foi abordado pelos suspeitos. Na ocasião, um deles deve de ajoelhar e os homens teriam engatilhado a arma e apontado na direção dele.

 

Os bandidos de 21, 26 e 45 anos foram levados para a delegacia e indiciados por associação criminosa, receptação, roubo qualificado pelo concurso de pessoas, restrição de liberdade da vítima e posse ilegal de arma de fogo.


Fonte: TV Morena







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados