Página Inicial | SEGUNDA FEIRA, 17 DE JUNHO DE 2019
Postada por: Jr Lopes dia 27/05/2019
Contratado por facção, homem é preso com 76 quilos de dinamite na fronteira
Compartilhar Notícia
Foram apreendidas 54 unidades de explosivo em gel (Foto: Porã News)


O paraguaio Emiliano Ortega Averalos, 27 anos, foi preso com 76 quilos de dinamite que seriam utilizadas para assaltos à bancos no Brasil. Ele foi flagrados com os explosivos em Pedro Juan Caballero, cidade que faz fronteira com Mato Grosso do Sul por Ponta Porã.

 

Segundo o site Porã News, equipe da Polícia Nacional do Paraguai já investigava o caso e tinha conhecimento da movimentação da carga de dinamite de San Pedro a Pedro Juan Caballero e, nesse domingo (26/05), abordaram o suspeito quando ele desceu de um ônibus na região de Colônia Naranjat, localizada a 68 quilômetros da fronteira com MS.

 

Com Emiliano foram encontrados 54 unidades de explosivos em gel, que totalizam os 76 quilos do produto. Ele recebeu voz de prisão e foi encaminhado à sede da Direção de Investigações Criminais de Casos Puníveis.

 

Suspeito disse que foi contratado por R$ 40 mil para levar a dinamite até a região próxima de fronteira, onde, segundo ele, seria usada por integrantes de facções criminosas brasileiras para assaltos a bancos, explosão de caixas fortes e na tentativa de liberação de presos ligados ao Primeiro Comando da Capital (PCC), que estariam atuando na região de fronteira Brasil-Paraguai.

 

Ainda conforme Emiliano, ele desceu do ônibus ao perceber que havia forte policiamento na área e, assim que desembarcou, teria entrado em contato com os contratantes para fazer o resgate dos explosivos e realizar o pagamento, no entanto, ele foi preso antes.


Fonte: Porã News







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados