Página Inicial | DOMINGO, 17 DE DEZEMBRO DE 2017
Postada por: Jr Lopes dia 04/12/2017
Coritiba cai para Série B após seis anos lutando contra rebaixamento
Compartilhar Notícia
Coxa não evitou a queda em Chapecó. Mesmo saindo na frente, equipe levou a virada no último lance do jogo (Foto: Marcelo Andrade/Gazeta do Povo)


De 2012 a 2017, o Coritiba não teve outro objetivo ao fim da Série A: lutar contra o rebaixamento. Nesta temporada, enfim, o clube paranaense derrapou e acabou rebaixado para a Série B, após sofrer o gol derradeiro no último minuto diante da Chapecoense, na Arena Condá.

 

A tragédia anunciada era questão de tempo. O sentimento da torcida alviverde, que lutou até o fim ao lado da equipe, é o mesmo. A reflexão do torcedor, após a tristeza e raiva pela queda, é de que a hora iria chegar. E chegou.

 

Desde que voltou à elite, com o bicampeonato em 2010, o Coxa só fez uma grande campanha. Em 2011, o time foi o oitavo colocado com 57 pontos e lutou por uma vaga na Taça Libertadores até a última rodada. A derrota por 1 a 0 no clássico contra o Atlético-PR, na Arena da Baixada, impediu o sonho, mas o triunfo não evitou o rebaixamento do rival.

 

Depois disso, a briga foi embaixo da tabela, basicamente. Em 2012, a permanência só foi garantida na penúltima rodada, quando perdeu em casa para o Cruzeiro e foi ajudado pelo tropeço do Sport diante do Fluminense - terminou em 13º. No ano seguinte, após chegar a liderar a competição antes da Copa das Confederações, o desempenho foi ladeira abaixo e o milagre aconteceu na última rodada, na vitória por 1 a 0 contra o São Paulo, em Itu, ficando em 11º.

 

Já há três anos, na penúltima rodada, o Coritiba venceu o Atlético-MG na Arena Independência por 2 a 1 e chegar aos 44 pontos, deixando o Vitória fora de alcance. Fechou na 13ª posição. Em 2015, novamente no último confronto. O empate em 0 a 0 em casa com o Vasco da Gama evitou o descenso já que o Avaí também não saiu do zero com o Corinthians e caiu. O Verdão foi o 15º. No ano passado, o time paranaense teve uma luta mais tranquila, pelo menos em questão de rodadas. A equipe bateu o Santa Cruz em casa por 1 a 0 e ficou livre já na 35ª rodada, terminando em 15º.

 

No último domingo, o Coritiba dependia apenas de si e só precisava vencer a Chapecoense, fora de casa. Chegou a abrir o placar, mas levou o empate ainda na primeira etapa e sofreu o gol que decretou o rebaixamento no último minuto. O drama ainda foi pior, porque no mesmo momento, o Flamengo virava diante do Vitória, no Barradão. Assim, o empate era suficiente para evitar a queda. Com 43 pontos e 17º, o Verdão caiu.

 

Presidente do clube, Rogério Bacellar sequer esteve em Chapecó com a delegação e postou uma nota oficial com pedido de desculpas. O mandatário, que encerra sua gestão de três anos neste mês, não concorre a reeleição e nem apoia nenhuma das três chapas postulantes. O pleito acontece dia 9 de dezembro.


Fonte: Lancenet







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados