Página Inicial | DOMINGO, 17 DE DEZEMBRO DE 2017
Postada por: Jr Lopes dia 31/08/2017
MS aumenta abate de aves e suínos e se destaca em cenário nacional
Compartilhar Notícia
Reinaldo destaca safra recorde de milho e as condições favoráveis à avicultura e à suinocultura (Foto: Alexandre Carvalho)


O secretário de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck, realizou palestra no Salão Internacional de Avicultura e Suinocultura (Siavs), na terça-feira (29/08), em São Paulo. O Mato Grosso do Sul é o único estado brasileiro com estande institucional e que tem um representante como palestrante no evento. O Siavs recebe neste ano cerca de 150 empresas do Brasil e do exterior. O salão é a único do setor a contar com as agroindústrias produtoras e exportadoras e tem neste ano 1500 mil produtores e mil congressistas de mais de 50 países.

 

Com o tema "Mato Grosso do Sul: Próximo Destino de seus Investimentos em Suinocultura e Avicultura", Verruck contou a uma plateia de produtores como o estado aproveita uma janela de oportunidade de produção, demanda e facilidades para atrair investidores para esses setores.

 

Com produções recordes de milho e soja, insumos essenciais para a ração de suínos e aves, o MS tem enorme potencial de crescimento nessas culturas e conta ainda com melhorias e projetos nas áreas de infraestrutura logística. "Esse cenário cria competitividade para produtores e empresas que vêm para o Mato Grosso do Sul. Na linha de crédito temos disponíveis para 2017 R$ 1,3 bilhão e já empenhamos R$ 1 bilhão, via linha de crédito do Fundo Constitucional do Centro-Oeste."

 

Outros atrativos são possibilitados pela política do estado, que concede isenção fiscal do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para as exportações e tributa em apenas 1,75% desse imposto nas transações interestaduais. Especificamente para aviários há uma vantagem competitiva importante: redução de 17% para 2% na cobrança de ICMS na energia elétrica. Há ainda isenção de impostos na compra de máquinas e equipamentos importados. "Hoje, mais de 41% das aves que produzimos no estado vão para o exterior. A Seara e Frango Bello já sinalizaram a expansão das atividades avícolas no curto prazo. Criamos um ambiente muito favorável para o investimento", relatou.

 

Tudo isso já tem atraído grandes produtores e empresas, como Seara, Aurora, que já ampliam a produção e número de abates. Atualmente, a Seara dobrou de 3 mil para 6 mil o número de abates de suínos por dia.

 

O secretário apontou que a excelência na produção local no MS trouxe um problema para a armazenagem, devido à eficiência e ganhos de produtividade. "Tivemos safras recordes. No último ano produzimos 18 milhões de toneladas de grãos e temos capacidade de armazenar 8 milhões de toneladas. As lavouras de soja e milho têm obtidos ganhos expressivos de produtividade e essa oferta barateia ao produtor um custo importante na ração".

 

De acordo com dados apresentados pelo secretário, estão previstos para os próximos cinco anos investimentos de R$ 41,3 bilhões. "Estamos fazendo a lição de casa, investindo em logística e com parcerias para o escoamento com Paraguai, Bolívia para superar divisas. Para tanto estamos elaborando projetos de parceria público-privado. Olhamos para o cenário todo, sem esquecer do pequeno produtor, com um ou dois aviários. Para eles vamos conceder incentivos que os impulsionem a elevar produtividade sem ficar dependente dos subsídios que colocaremos num primeiro momento."

 

O governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, comemora a safra recorde de milho e as condições favoráveis à avicultura e à suinocultura. "Chegamos a quase 10 milhões de toneladas de milho na última safra e isso acaba barateando custo de produção e aves e suínos no estado, tornando esses setores eixos de desenvolvimento. Ainda modernizamos o escoamento até indústria, o que motiva a ampliação de ofertas e de plantas, fato que já vem ocorrendo", informou.


Fonte: Portal do Governo de Mato Grosso do Sul







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados