Página Inicial | TERÇA-FEIRA, 21 DE NOVEMBRO DE 2017
Postada por: Jr Lopes dia 23/08/2017
CCR MSVia anuncia retomada das obras na BR-163 em 1° de setembro
Compartilhar Notícia
Empresa confirmou data e valor de R$ 150 milhões na restauração e duplicação de 96 quilômetros da BR-163 (Foto: Divulgação)


A CCR MSVia retoma a partir do dia 1° de setembro, as obras na BR-163 em Mato Grosso do Sul. A empresa confirmou a data e o valor de R$ 150 milhões na restauração e duplicação de 96 quilômetros nesta terça-feira (22/08), ao Governo do Estado.

 

Em reunião com o secretário de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck e o presidente da Assembleia Legislativa, Junior Mochi, o relações institucionais do grupo CCR, Claudeir Alves Mata, detalhou a nova etapa de obras na rodovia que é a principal rota de escoamento de produtos estaduais.

 

Ele disse que a nova etapa de obras inclui a duplicação de 12,5 quilômetros e a restauração asfáltica de 84 quilômetros da concessão, que compreende extensão total de 806,3 quilômetros da BR-163 em Mato Grosso do Sul. “Nossa prioridade máxima é recuperar o pavimento antigo, para que ele não se perca” disse Claudeir, ao detalhar que o custo para restaurar o asfalto é três vezes maior do que para construir. Além disso, a empresa prevê a finalização das obras no trecho até São Gabriel do Oeste, que já estão avançadas.

 

Pedido

Ontem a cooperativa Aurora Alimentos pediu ao governador Reinaldo Azambuja, ajuda para interceder junto a CCR MSVia pela construção de um trevo e asfalto que facilite a chegada e saída de veículos ao núcleo industrial de São Gabriel do Oeste.

 

A demanda foi repassada pelo secretário Jaime Verruck à CCR, junto com o prefeito do município, Jeferson Tomazoni. A empresa disse que no projeto da rodovia estão previstos investimentos de R$ 16 milhões no acesso, mas não nesta etapa das obras.

 

A prefeitura ressaltou a necessidade de asfaltar 1.200 metros de estrada de chão que vão até a entrada das indústrias. Jaime Verruck disse ao prefeito Tomazoli que o governo fará uma avaliação da demanda e pediu um projeto da construção desse trecho.

 

A proposta será levada ao governador e pode ser feita com recursos do Fundo de Apoio a Industrialização de MS (FAI),  administrado pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro) e que é voltado para situações como esta. “Entendemos a necessidade das indústrias de São Gabriel em priorizar esse asfalto, visto que passam pelo local cerca de 3 mil funcionários diariamente”, disse Verruck.


Fonte: Portal do Governo de Mato Grosso do Sul







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados