Página Inicial | SEXTA-FEIRA, 20 DE OUTUBRO DE 2017
Postada por: Jr Lopes dia 06/04/2017
Projeto de usina que transforma lixo em energia é apresentado em Naviraí
Compartilhar Notícia
Presidente da Câmara, vereador Jamil do Bem Bom, secretário de Cultura e Cidadania do MS, Athayde Nery e o prefeito Izauri de Macedo participaram da reunião (Foto: Folha de Naviraí/Jr Lopes)


Naviraí poderá se tornar sede e receber uma usina que transforma lixo doméstico em energia elétrica. A apresentação do projeto da usina, cuja tecnologia foi desenvolvida pela Usitrar Eco-Energy, aconteceu nesta quarta-feira (05/04) no anfiteatro da Associação Comercial e Empresarial de Naviraí (ACEN).

 

Para manter a usina em funcionamento são necessários 50 toneladas de lixo doméstico diariamente, cujo objetivo é obter esta “matéria prima” no lixo recolhido em Naviraí e nos municípios que fazem parte do Conisul (Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento da Região Cone Sul de Mato Grosso do Sul), Mundo Novo, Japorã, Eldorado, Iguatemi, Itaquiraí, Jutí, Tacuru, Sete Quedas, Paranhos, Amambai, Coronel Sapucaia e Aral Moreira.

 

Os representantes da empresa, que utiliza tecnologia e capital 100% nacional, explicaram que o prefeito Izauri de Macedo assim que tomou conhecimento da tecnologia utilizada e dos benefícios gerados em prol do meio ambiente, manteve contato e manifestou interesse em trazer a indústria de processamento e carbonização de resíduos sólidos (usina que transforma lixo em energia elétrica) para Naviraí.

 

A transformação de lixo doméstico em energia é chamada de “energia verde” ou “bioenergia” e consiste em processar os resíduos sólidos em carvão de ótima qualidade, que é utilizado para a produção de energia. Não causando nenhum tipo de poluição do solo e do lençol freático, pois o chorume e os resíduos não entram em contato com o solo.

 

O custo para implantação da indústria de processamento e carbonização de resíduos sólidos é de R$ 10 milhões, a serem 100% subsidiados pela Usitrar. Os municípios que participarem do consórcio, ficam responsáveis pelo transporte do lixo até a usina.

 

Participaram da solenidade de apresentação do projeto, o prefeito de Naviraí Izauri de Macedo, o Secretário de Cultura e Cidadania do MS, Athayde Nery, o presidente da Câmara de Vereadores Jaimir José dos Santos (Jamil Bem Bom), as vereadoras Rosangela Farias Sofa, Lourdes Elerbrock e Cristina Gradela, além dos vereadores Antonio Carlos Klein, Fi da Paiol, Simon Freitas, Júnior do PT e Josias de Carvalho.

 

A meta da empresa é instalar em Mato Grosso do Sul, 10 unidades industriais de processamento térmico de lixo doméstico e industrial em energia elétrica.


Fonte: Folha de Naviraí







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados