Página Inicial | QUINTA-FEIRA, 22 DE AGOSTO DE 2019
Postada por: Jr Lopes dia 09/02/2010
Naviraí faz blitz educativa para prevenir à dengue
Compartilhar Notícia
Gerência de Saúde e Rotary distribuíram panfletos educativos (Foto: Orisvaldo Sales)


Uma parceria entre a gerência de saúde da prefeitura de Naviraí e o Rotary Clube Integração, foi realizado na manhã de sábado (06) no município, uma blitz educativa orientando a população quanto aos devidos cuidados contra a dengue. A mobilização se concentrou na rotatória da Avenida Weimar Torres envolvendo agentes comunitárias de saúde, agentes do controle de vetores, da vigilância epidemiológica, alunos do curso técnico de enfermagem, membros do Rotary Clube Integração e Polícia Militar de Trânsito.


Foram distribuídos panfletos buscando levar a cada pedestre, motorista e motociclista sobre as medidas simples que podem ser adotadas para evitar uma epidemia da doença na cidade. Neles, continha também uma linguagem objetiva, as atitudes que todos devem tomar para prevenir a dengue, como - virar as garrafas e objetos que possam acumular água acabando com os focos do mosquito. Dados da vigilância epidemiológica da cidade apontam que nove casos foram confirmados este ano e 90 notificações apresentadas.


De acordo com a gerente de saúde do município Sônia Kamitani, todos os  cuidados terão que ser tomados para que novos casos não sejam notificados e possivelmente confirmados. “Os agentes de Controle de Vetores devem prosseguir com a borrifação em determinados pontos da cidade para eliminar o aedes aegipty. Estamos prestes de entrar, isso se já não estamos sofrendo uma nova epidemia de dengue em Naviraí. Precisamos do apoio de todos, principalmente da população” diz Sônia Kamitani.


Ela ressaltou a importância da parceria feita com o Rotary Clube nesses tipos de ações desenvolvidas pela administração. “Eles estão sendo presentes conosco, principalmente na área da saúde, já participaram da campanha da poliomielite realizando sorteio de bicicleta, no carnaval e agora nessa mobilização contra a dengue”, ressalta a gerente.


Sônia destacou que apenas este tipo de ação desencadeada pelo poder público, não é o suficiente para combater a dengue. Para ela, todos têm que fazer o seu papel. “É muito importante a colaboração de todos, se cada morador tirar 10 minutos do seu tempo para dar uma olhada no quintal e eliminar possível criadouro do mosquito, venceremos esta batalha. Muita gente pensa que apenas a borrifação esta eliminando os focos, ao contrário, este serviço mata apenas os mosquitos transmissores, a larva continua viva, é ai que temos que agir”, explica Sônia.


Fonte: Da redação







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados