Página Inicial | SÁBADO, 19 DE OUTUBRO DE 2019
Postada por: Jr Lopes dia 01/02/2016
MS: Rodovias na região sul estão em condições precárias
Compartilhar Notícia
Vários trechos de rodovias na região estão críticos (Foto: Vilson Nascimento / A Gazeta News)


As rodovias da região Cone Sul do Estado estão em situações precárias. Trafegar por elas é um desafio aos motoristas. Reportagem do A Gazeta News relata a situação de alguns trechos.


Na MS-156 (Amambai a Tacuru) e na MS-295 (Tacuru a Iguatemi), trechos que integram a chamada “Guaira-Porã”, que é a principal rota de escoamento da produção de grãos da região para o sul do país e de entrada de produtos industrializados para os municípios de fronteira, a situação de conservação das vias chega a ser caótica em determinados pontos.


Existem dois trechos de pontos críticos: na altura da ponte sobre o Rio Jogui, entre Amambai e Tacuru. Mas o trecho mais problemático é um de aproximadamente 600 metros, localizado distante cerca de quarto quilômetros de Tacuru, na MS-156 entre Amambai e Tacuru.
Buracos no asfalto também podem ser encontrados no trecho da MS-295 ligando a cidade de Paranhos a MS-156, entre Amambai e Tacuru, e na MS-160, trecho que liga as cidades Tacuru a Sete Quedas.


Na tarde de quinta-feira (28), a Defesa Civil do município de Iguatemi emitiu alerta sobre um novo grave problema em rodovias estaduais da região.


O alerta é sobre a abertura de buracos no asfalto na cabeceira da ponte sobre o Rio Amambai na recém-pavimentada Rodovia MS-180, trecho que liga Iguatemi a BR-163, na região de Juti.


REPAROS EM ANDAMENTO


Segundo a Agência Estadual de Gestão de Empreendimentos (Agesul), órgão do Governo do Estado responsável pela fiscalização dos trabalhos de manutenção das rodovias pavimentadas e não pavimentadas da região, já que tais serviços são de responsabilidade de empresas contratadas por meio de licitação, o trabalho de recuperação está sendo realizado, mas acaba sendo demorado, tendo em vista os grandes danos provocados pelas chuvas, que voltaram a cair com maior intensidade neste fim de semana.


Segundo a diretora da Unidade Regional da Agesul de Ponta Porã, a engenheira civil Suzana Lorenzon Wetters, equipes de uma empresa terceirizada estão trabalhando na recuperação, por meio de “tapa-buracos” na Rodovia MS-386, que integra a Guaira-Porã no trecho que liga em Sanga Puitã em Ponta Porã a região conhecida como “Taji”.


Segundo o diretor regional da Agesul em Naviraí, engenheiro civil, Jarlen Santos Lemos, chuvas e o excesso de buracos na via tem deixado o trabalho de recuperação mais lento.


Já a Juha Engenharia, empresa responsável pela manutenção da maior parte dos trechos de rodovias da região, entre eles a Guaira-Porã da altura do Rio Amambai, na MS-386 em Amambai até Iguatemi e dos trechos da MS-160 (Tacuru a Sete Quedas) e MS-295 (MS-156 a Paranhos), informou que os trabalhos de recuperação estão em andamento.


Segundo Luziano dos Santos Neto, engenheiro civil e um dos responsáveis em responder pela Juha Engenharia, a empesa concluiu a recuperação, por meio de tapa-buracos, dos 45 quilômetros da Rodovia MS-289 que liga Amambai a Coronel Sapucaia, na fronteira com o Paraguai e agora concentra todas as forças na recuperação do trecho da MS-156 entre Amambai e Caarapó.


Fonte: A Gazeta News







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados