Página Inicial | SEGUNDA FEIRA, 27 DE MAIO DE 2024
Postada por: Jr Lopes dia 24/08/2015
Sanesul inaugura sistema de esgotamento sanitário em Paranhos
Compartilhar Notícia
A obra contempla uma estação de tratamento de esgotos, 1.227 ligações domiciliares e vai atender 70% da população, gerando mais saúde e qualidade de vida (Foto: Chico Ribeiro)


O governador Reinaldo Azambuja e o diretor-presidente da Sanesul (Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul), Luiz Rocha, inauguraram nesta segunda-feira (24) o sistema de esgotamento sanitário de Paranhos,  que contempla estação de tratamento com capacidade para tratar 10 litros de efluentes por segundo. Ao custo total de R$ 3,8 milhões, recursos provenientes do Governo Federal, por meio da Fundação Nacional de Saúde e da Sanesul, o sistema vai beneficiar 70% da população do município.
 

Durante o evento, Reinaldo Azambuja destacou que é meta do Governo do Estado universalizar o tratamento de esgoto, e para isso está realizando estudos e verificando a possibilidade de efetuar parcerias público-privadas para atingir este objetivo.
 

"É um orgulho muito grande para a Sanesul atender 70% da população de Paranhos com esgoto tratado. Estamos trabalhando, de acordo com as diretrizes do Governo, para que todas as localidades onde a empresa opera sejam atendidas com tratamento de esgotos. O nosso objetivo é levar cada vez mais saúde e qualidade de vida para a população de Mato Grosso do Sul", afirmou o presidente da Sanesul, Luiz Rocha.

 
O presidente da Sanesul também lembrou que, graças ao trabalho de conscientização da população, realizado pela equipe de educação ambiental da empresa, a população interligou suas residências à rede, abandonando o uso das fossas. 


A equipe explicou para as famílias de Paranhos os benefícios do tratamento de esgoto para a saúde e a importância de fazer a ligação de esgoto em suas residências corretamente, para evitar entupimentos na rede. "É importante orientarmos à população para que eles conheçam todos os benefícios do esgotamento sanitário. O impacto do trabalho de educação ambiental é muito positivo". 
 

Participaram da inauguração o secretário de Fazenda, Márcio Monteiro, os deputados estaduais Lidio Lopes, Mara Caseiro, Rinaldo, o diretor de administração e finanças, André Soukef, o gerente regional de Ponta Porã, Márcio Antônio da Cruz, o supervisor da Sanesul de Paranhos, Miguel Fernandes Moraga, prefeito de Paranhos, Júlio Cesar de Souza, o prefeito de Sete Quedas, José Gomes Goulart e o prefeito de Tacuru Paulo Pedro Rodrigues.
 

O sistema compreende uma estação de tratamento de esgotos, com capacidade para tratar 10 litros de efluentes por segundo,  29.440 metros de rede coletora de esgoto, 1.227 ligações domiciliares, uma estação elevatória, 959 metros de linha de recalque, 795,5 metros de coletor tronco além do trabalho social realizado pela equipe de educação ambiental. O custo total da obra foi de R$ 3.881.800,13, sendo R$ 3,4 milhões recursos da Funasa e R$ 481,8 mil recursos da Sanesul.


Fonte: Larissa Almeida/Sanesul







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados