Página Inicial | SEXTA-FEIRA, 05 DE JUNHO DE 2020
Postada por: João Guizolfi dia 22/04/2015
Ele teve um surto, diz namorada de lutador suspeito de morte em hotel
Compartilhar Notícia

A namorada do lutador de jiu-jítsu Rafael Martinelli Queiroz, Carla Maiara Medeiros Dias, 24, diz acreditar que a mistura de medicamentos para emagrecer e suplementos para o treinamento físico possa explicar o ataque de fúria do namorado, preso sob suspeita de matar, a cadeiradas, um hóspede do hotel onde estavam hospedados. O crime ocorreu na noite do sábado (18).


Ao ouvir gritos durante a discussão entre o lutador e a namorada, o vendedor Paulo Cezar de Oliveira, que estava hospedado no mesmo hotel do casal, abriu a porta e foi surpreendido por Rafael, que o agrediu com socos, chutes e cadeiradas. O vendedor não resistiu aos ferimentos.


Queiroz destruiu boa parte do hotel: quebrou câmeras de vigilância e objetos do hotel, e arrombou as portas dos apartamentos do segundo andar. Ele estava na Capital sul-mato-grossense para participar de um campeonato de luta.


Após as agressões e depredação, ele foi encontrado por policiais do outro lado da rua onde fica o hotel. Na delegacia, o acusado resistiu à prisão. Uma equipe especial teve que ser chamada para levá-lo para outro espaço mais reforçado.


Carla está na casa dos pais, em Valparaíso, que fica a 564 quilômetros de São Paulo, e não quis falar muito sobre o assunto.


Fonte: Dourados News







Naviraí Diário | Todos os Direitos Reservados